.

Regulamentos de nota de débito/reserva da Turkish Airlines

Os regulamentos de nota de débito/reserva da Turkish Airlines especificam os limites de uso adequados para o GDS (sistema de distribuição global) e visa a proteger as agências de sanções aplicadas pelas companhias aéreas. Esses regulamentos são vinculativos para todas as agências, independentemente de serem ou não acreditadas pela IATA (International Air Transport Association). 

As responsabilidades da agência começam no momento em que elas acessam o sistema de reservas da Turkish Airlines. Por esse motivo, os funcionários têm de estar bem informados e treinados sobre os regulamentos e práticas em vigor da Turkish Airlines. Todas as transações pela agência são rigorosamente monitoradas, e todas as transações incorretas são detectadas por relatórios periódicos. Todas as transações definidas como incorretas, sob o título de procedimentos de reserva, resultarão em uma ADM (nota de débito para a agência) de € 35,00 para cada código de reserva (PNR).

O cumprimento aos regulamentos acima é benéfico a todas as partes e garante um serviço de qualidade superior aos passageiros.

Reservas em grupo

Transações relacionadas a PNRs do grupo passivo 

Se os bilhetes dos passageiros nas reservas do grupo ativo registrados no sistema da Turkish Airlines forem emitidos ao criar reservas passivas individuais, as informações de TCP (para grupo completo) devem ser inseridas na reserva passiva para o sistema não rejeitar a transação Antes de inserir o EOT, introduza a entrada TCP abaixo no PNR: 3OSI TK TCP30 (o número de passageiro na reserva do grupo).

Procedimentos de reserva

As agências devem evitar práticas consideradas incorretas ao fazerem reservas, conforme descrito nos exemplos abaixo.

a. Reservas especulativas/falsas

  • Reservas criadas após o voo.
  • Reservas feitas com nomes falsos (por exemplo, sobrenomes ou nomes com apenas 1 letra, nomes famosos).
  • Reservas inviáveis (por exemplo, planos de viagem impraticáveis, mais de 1 destino, reservas em que o voo de conexão parte antes da chegada).
  • Reservas feitas com o objetivo de bloquear um assento, mesmo sem que haja passageiros confirmados, ou para atender às cotas de segmentos do GDS.
  • Reservas que não foram canceladas, apesar de o passageiro ter solicitado cancelamento.
  • Segmentos em aberto feitos para qualquer outra finalidade que não seja emissão de bilhetes.
  • Número anormal de cancelamentos.
  • Número anormal de cancelamentos 24 horas antes do voo sem emissão de bilhetes.


b. Reservas para fins de monitoramento e teste de clientes

  • PNRs de teste: este tipo de reserva deverá ser feito no ambiente de teste, e não no sistema rodado em tempo real.
  • PNRs de teste feitos durante treinamento prático.
  • Reservas feitas para rastreio de trabalhos.
  • Reservas feitas para acessar o visto do passageiro ou outros documentos relacionados.
  • Reservas feitas com o intuito de manter uma cópia do itinerário. Para essa transação, use os seguintes códigos:

SABRE-YK Status Code-0TK006J01NOVORDISTYK1

AMADEUS-Ghost Segment-SSTK108Y12JULISTESBGK1/08000900/PNR NO

Consulte as páginas de ajuda: HE SS, MS625

WORLDSPAN-Travel Segment-(pela tela de disponibilidade) 01Y1@TVL

Consulte as páginas da ajuda: HELP TVLC

GALILEO-Tour Segment-0TURTKBK1IST26NOV-FREE FORMAT

Consulte as páginas de ajuda: H/AUXS


c. Reservas inativas

  • Segmentos com códigos de status HX, UN, UC, NO, SC, TK, US, PN ou WK que não tenham sido removidos do PNR.

(Quando o segmento em espera indicado como preferência for confirmado, outros segmentos em espera deverão ser cancelados.) É obrigatório que os funcionários verifiquem sistematicamente suas filas, garantindo que todos os segmentos inativos sejam removidos do PNR. Segmentos inativos devem ser cancelados pelo menos 24 horas antes do voo, sem exceções.


d. Segmentos casados

A Turkish Airlines monitora abusos nos segmentos casados. As agências responsáveis pela criação de PNRs ou por usá-los para processar os bilhetes dessa forma estarão sujeitas a ADM.

Ao contrário da implementação da ADM descrita na seção de regulamentos de notas de débito/reserva da Turkish Airlines, a ADM aplicada a esse tipo de reserva será calculada ao multiplicar o número de passageiros de cada PNR por € 500,00.

Abuso de segmentos casados é definido da seguinte forma:

  • Manipulação de reservas em segmentos casados.
  • Cancelamentos parciais que não estejam em conformidade com os regulamentos.
  • Reservas para destinos falsos que não fazem parte da reserva, com o objetivo de encontrar lugar em uma classe mais baixa.

Esses tipos de violação não só ocasionarão uma ADM como também causará o bloqueio da visualização pela agência de voos da Turkish Airlines, além de impossibilidade de fazer reservas ou agendamentos na companhia. No caso de existir mais de 1 agência envolvida na criação do PNR e na emissão do bilhete, todas as sanções serão aplicadas a cada uma das agências.


e. No-show (não comparecimento ao voo sem cancelamento prévio)

  • Qualquer esquema para emissão de bilhetes destinados abertamente a no-shows (frequência anormal de no-show relacionada a segmentos conseguidos ao se aplicarem diferentes regulamentos de tarifa para vender bilhetes mais baratos ou que ocorrem em um determinado voo e/ou voos um imediatamente após o outro, etc.). Ao contrário da implementação de ADM descrita na seção de regulamentos de nota de débito/reserva da Turkish Airlines, será cobrada uma multa de ADM de até a tarifa equivalente na classe de viagem mais alta da rota em questão.


f. Reservas repetidas

Uma reserva repetida é mais que 1 reserva para o mesmo passageiro, em 1 ou mais GDSs. Os exemplos a seguir são considerados reservas repetidas:

  • Reservas feitas no mesmo número de voo para dias idênticos ou diferentes.
  • Reservas feitas números de voo diferentes, no mesmo destino, para dias idênticos ou diferentes.
  • Reservas feitas para vários destinos em dias idênticos ou diferentes.
  • Reservas feitas para o mesmo aeroporto ou para um aeroporto próximo.
  • Reservas semelhantes feitas tanto na Turkish Airlines quanto em outra companhia aérea.

g. Reservas passivas

Apenas as reservas cujo original está no sistema da companhia aérea deverão ser usadas para emissão de bilhetes. Agências não filiadas à IATA, sem autorização para emitir bilhetes, não devem criar reservas passivas. Todas as reservas passivas são monitoradas pelo software robô da Turkish Airlines. As reservas passivas que não atenderem aos critérios corretos serão rejeitadas, o código de status será definido como NO (código enviado pelas companhias aéreas quando os regulamentos de reserva foram violados) e uma mensagem explicando o motivo da rejeição será adicionada ao PNR.


Como os códigos de status NO criam despesas desnecessárias no sistema de reservas (CRS), é muito importante removê-los da interface do PNR; caso contrário, será cobrada uma ADM das agências pelos códigos de status NO não removidos. A fim de auxiliar as agências com esse problema e evitar qualquer problema de insatisfação do cliente, estão apresentadas abaixo mensagens explicativas enviadas com NO. Para obter informações mais detalhadas, por favor entre em contato com a nossa central de atendimento pelo telefone +90 212 44 0849 ou envie um e-mail para gds@thy.com.


Segmentos passivos só devem ser usados para emitir bilhetes quando a reserva tiver sido feita no sistema da companhia aérea. A classe de reserva deve ser a mesma.

Agências não filiadas à IATA não devem fazer reservas passivas, pois não têm autoridade de emissão de bilhetes.

Não se devem fazer reservas passivas para obtenção de cópias de um itinerário ou de uma fatura por solicitação do passageiro. Em casos como esse, deverão ser usadas as entradas de segmentos sem cobrança especificadas na seção "Reservas administrativas".

Todos os segmentos com código de status NO, que indica que a reserva foi rejeitada pela companhia aérea, deverão ser removidos do PNR.

Reservas passivas criadas pelas agências são rejeitadas com uma mensagem NO nas seguintes circunstâncias:

  • NO ticketing authority: Enviada às agências que não têm autoridade de emissão de bilhetes.
  • NO matching PNR found: Enviada quando o sistema da companhia aérea não contém correspondência para a reserva do passivo.
  • Spelling error correct name: Enviado quando o nome do passageiro não é exatamente o mesmo que o nome do passageiro do PRN da companhia aérea.
  • PNR is under control of another agency: Enviada quando a reserva ativa no sistema da companhia aérea tiver sido criada por outra agência. Nesse caso, as agências que usam o mesmo sistema devem colocar na fila o PNR uma para a outra com o intuito de emissão do bilhete.
  • Class mismatch cancel and verify: İndica que as classes das reservas ativa e passiva não são compatíveis.
  • Holding active booking from you: Em um PNR ativo, a reserva já foi criada pela agência que fez a reserva passiva e o bilhete deve ser emitido com base na reserva ativa.
  • PL segments are not accepted: Os códigos de reserva passiva não podem ser aceitos, pois o objetivo da reserva passiva era emitir um bilhete.
  • Passive segment message previously received: Já foi recebida uma mensagem de reserva passiva para a reserva em questão.
  • No exact match pls verify: Existe uma discrepância entre o número do passageiro exibido no registro de reserva do sistema da Turkish Airlines e o número do passageiro da reserva passiva.
  • Active segment in the airlines system is waitlisted: A agência não pode emitir o bilhete até que o segmento com reserva ativa tenha sido confirmado. Portanto, não é possível criar uma reserva passiva.
  • Invalid airport code cancel and verify: A agência criou a reserva passiva com um código de aeroporto/cidade incorreto. É obrigatório fazer a correção.
  • Flight number mismatch-cancel and verify: Existe uma discrepância entre o número do voo na reserva passiva e o número do voo de reserva no sistema da companhia aérea.
  • There is an active booking on the same CRS: O registro ativo está sendo administrado por outra agência.
  • Active PNR is canceled in airlines system: O PNR original foi cancelado no sistema da companhia aérea. Verifique o PNR original.
  • Name mismatch-cancel and verify: Existe uma discrepância entre os nomes no registro original do PNR e os nomes na reserva passiva.

Regras de emissão de bilhete e opções

a. Reservas repetidas: reservas que são repetidamente criadas e canceladas com o objetivo de ampliar o período de opções ligado a elas, ou para atingir cotas de vendas. 

b. No-show: déficit de inventário causado por agências que não emitem os bilhetes ou não cancelam reservas pelas quais não foram emitidos bilhetes. 

c. Cancelamentos anormais 

d. As opções e regras de preços devem estar em conformidade e os bilhetes devem ser emitidos segundo o código de status do segmento. Se não existir a confirmação da Turkish Airlines, em circunstância alguma deverá ser usado o código de status não confirmado. 

e. Não devem ser emitidos bilhetes confirmados para segmentos que não tenham código de status confirmado.

f. Não devem ser feitas reservas com o objetivo de verificar preços ou informações semelhantes. 

g. A classe da reserva e a classe do bilhete devem ser iguais. 

h. O bilhete deve ser emitido pelo GDS no qual foi feita a reserva original. PNRs podem ser transferidos com o objetivo de emissão do bilhete, desde que seja usado o mesmo GDS, usando as seguintes entradas: 

Sabre: 6*TA/PCC (para mais detalhes, veja: F*SQLRT) 

Amadeus: ES PCC-B (PCC é o código da cidade alocado pelo GDS) 

Galileo: QEP/PCC (PCC é o código da cidade alocado pelo GDS) 

Worldspan: QEP/PCC (PCC é o código da cidade alocado pelo GDS)